14 de out de 2012

Avessos


Fico a pensar na beleza dos avessos, não despreze ninguém pelo agora, pelo presente, e muito ruim alguém que te olha por apenas o que você tem agora.

A beleza do tecido tem um sustento, uma trama está por trás de tudo isso, compreender as pessoas, amalás, só é possível quando entramos na trama do avesso.

Só é possível amar quando nós enxergamos não somente aquilo que os olhos podem revelar, mas sim aquilo que está oculto.
Quem ama, enxerga o outro pelo o que ele ainda não é, pelo o que ele ainda pode ser

Somente quem já perdeu, sabe o que é ganhar.
Somente quem já sofreu e se amargurou,  viu a vida em tempo real.
encontrou na derrota um motivo para lutar
Descobriu-se que é nos conflitos que a vida se faz crescer
Só quem soube duvidar pode enfim acreditar 
E pode viver amor sem aprisionar
Quem no pouco amou, aprendeu a multiplicar
Só que perdoou na vida sabe o que é amar
Pois aprendeu que o amor só é amor quando já provou alguma dor
E nesses limites no qual o amor pode nascer
A sombra só existe, quando brilha uma luz 



0 comentários:

Postar um comentário

 

Capte-me uma mensagem a toa Copyright © 2013 Design by Caminho da Luz