4 de mar de 2012

Verde, verdinho


Olha , só moreno, do cabelo bem calvinho
Vê se olha com carinho pro nosso amor
Eu sei que é complicado amar devagarinho
Eu sei que sou mais velha, e você tem medo de se aproximar
Pois eu sei que eu assusto
Teus olhos bem verdinhos, do mar do litoral
Sei que você só quer sair se for de carro, para impressionar as garotas
Mas eu gosto da tua bike, e finjo que sou tua amiga
Sei que a vida aqui e chata, mas se agente for juntinho, vai bem
Eu me pergunto o que eu sou, eu não sou nada
Eu penso tanto em dessistir, mas no final não da em  nada
Confesso que tem horas que eu não entendo nada do que você fala
Mas me interesso e faço cara de quem estou entendendo tudo.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Capte-me uma mensagem a toa Copyright © 2013 Design by Caminho da Luz