14 de out de 2010

Diálogo vertebral


Querida companheira.
Você que me sustenta em pé, e me dá tantas alegrias em minhas caminhadas.
A melhor companheira de aventuras, e de exercícios diários.
Sempre bem disposta, me possibilitou, todas as estrelinhas, bananeiras, saltos de espagueti na piscina e pulo das árvores mais altas, da minha infância.
Ha!... minha querida.Assim não tem quem aguente.
Esse ônibus sacudindo, e você me desperta.
Senta ai e lê teu livro, e não me encomoda.
E você não acha, que está na hora de acordar.
Se você não tivesse dormido tanto, eu seria mais alta.
E não estaria na casa dos gnomos.
Ha! minha querida.Olhe para o lado, e veja que existem pessoas mais baixas.
E para de preguiça, e faça alguma coisa para me manter bela e esperta, se não quer que  eu durma.
E tome consciência que eu existo, e você não vive sem mim, e nem eu sem você.

0 comentários:

Postar um comentário

 

Capte-me uma mensagem a toa Copyright © 2013 Design by Caminho da Luz